Fale Conosco

25 de maio de 2012

Jornada de Inclusão Produtiva contempla agricultores familiares de CG



Na tentativa de aproximar cada vez mais as ações dos governos federal, estadual e municipais dos agricultores familiares, o Governo do Estado realizou nesta sexta-feira (25), no Parque da Criança, em Campina Grande, a Jornada de Inclusão Produtiva. Entre os benefícios estão assinatura de termos de adesão ao Programa Brasil Sem Miséria, contemplando 76 famílias das 180 assessoradas, que terão R$ 2.400,00 para execução de projetos produtivos, mais a confirmação da assinatura de 28 convênios entre associações comunitárias rurais e o Projeto Cooperar no valor de R$ 3.298.085,94.

Ainda conforme a programação da Jornada, realizada pela Secretaria do Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), por intermédio da Emater Paraíba e demais vinculadas, foi lançada a Chamada Pública de duas escolas estaduais para aquisição de alimentos pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). Também em Campina Grande, foram elaborados projetos pela Emater Paraíba que totalizam R$ 270.000,00, beneficiando agricultor familiar do município.

Durante o evento, foram trabalhados projetos voltados ao financiamento, comercialização e crédito rural. O coordenador regional da Emater em Campina Grande, Sales Júnior, informou que já foram distribuídas 33 toneladas de milho e feijão na região. Na Jornada desta sexta-feira foram entregues aos agricultores sementes de sorgo e mileto.

Na ocasião, o presidente da Emater Paraíba, Geovanni Medeiros Costa, destacou que o governo estava presente em diversas regiões do Estado realizando Jornadas semelhantes a que se realizava em Campina Grande, mesmo em face da estiagem que vem castigando o semiárido. Ele pediu que os agricultores que participavam do evento levassem aos que não puderam comparecer as ações que podem ajudar a melhorar a vida de todos.

O secretário da Sedap, Marenilson Batista, lembrou da necessidade de vacinar os rebanhos durante a campanha que vem se realizando em todo o Estado até o próximo dia 31. Segundo ele, a Jornada é um momento importante para que todos troquem experiências e possam discutir os projetos com os técnicos.

Sobre alguns programas de governo em favor do homem do campo, Marenilson informou que serão distribuídas quatro mil raquetes de palmas resistentes à praga da cochonilha, que vem atacando os plantios em alguns municípios. Estão sendo distribuídas 25 toneladas de sorgo e 10 toneladas de mileto para que os criadores possam plantar e formar um banco de alimentos para seus rebanhos.

Durante o evento, outros parceiros também manifestaram a satisfação em participar da Jornada de Inclusão Produtiva, como, por exemplo, o secretário de Interiorização, Fábio Maia; o secretário executivo da Agricultura Familiar, Alexandre Eduardo Araújo; o representante do MDA, Antônio Silva e o presidente do Interpa, Nivaldo Magalhães, entre outros.